domingo, 31 de outubro de 2010

Como Viabilizar Um Orçamento de M***a Toureando os Contribuintes

Como Viabilizar Um Orçamento de M***a Toureando os Contribuintes

Confesso que tenho andado a tentar digerir a novela rocambolesca intitulada "Como Viabilizar Um Orçamento de M***a Toureando Os Contribuintes" e, confesso, a digestão tem-se revelado difícil.
Talvez porque a minha cultura noveleira está reduzida a zero de há muitos e muitos anos a esta parte enãoestou preparada para assimilar o tango-enredo, talvez porque não tenha paciência para deitar a perder o único tempo que me resta de vida com babuseiras ridículas, porque sei que esgotado este não terei outro e não estou para o desbaratar vendo passar comboios, certo é que a digestão da coisa se tem revelado impossível de fazer.
A acrescentar a sensação, nada agradável por sinal, de ter sido e estar a ser completamente toureada enquanto contribuinte e a certeza de que eles, os políticos da treta, não ficarão por aqui.
Assistiremos a mais novelas, cada vez com enredos mais rocambolescas e rascas, que os dias agora vividos são da mais completa rasquice e até parece estar em vigor um qualquer concurso para apurar a atitude mais estapafúrdia e estúpida que jamais se viu em política.
É certo que o acordo lá foi assinado, depois de um parto com recurso a ferros em que os políticos extraíram um orçamento mal concebido, deveras deteriorado e descabelado e que deveria ser nado-morto.
A arena onde tudo se passou chama-se Portugal e sim, Portugal já conheceu melhores dias!
Continuaremos a falar dela. E a ouvir falar dela, da arena, por péssimas razões.

Money, Money, Money!

Money, Money, Money!

No caso, milhões, milhões, milhões! Milhões para aqui, milhões para ali, milhões para acoli!
Tudo pela clientela. Tudo para a clientela.
Ora leia aqui para onde foram alguns dos milhões que todos nós, lorpas, já pagámos. Fora o que ainda aí vem.

Portugal Indecente

Portugal Indecente

Leia aqui, no Portugal dos Pequeninos, como está a ser bem gasto o nosso dinheiro nas maravilhosas escolas da Parque Escolar.
Mas é que para onde quer que a gente se vire só tem alegria! E forrobodó!

Súmula da Legislação Sobre Avaliação de Desempenho Docente

Súmula da Legislação Sobre Avaliação de Desempenho Docente

Ver aqui. Retirado daqui.
Aconselho a sua leitura a todos os professores que por aqui passarem.

sábado, 30 de outubro de 2010

Petição

Petição

Medicamentos comparticipados sem preço? Mas é que não mesmo, obrigada!

Mas é que estes governantes lembram-se de cada disparate! E não há sector que escape.
Leia e assine aqui a petição para que não seja possível dirigir-se a uma farmácia e encontrar, arrumadinhas, caixinhas de medicamentos sem preço.
Mas onde é que isto já se viu? Onde é que já se viu tamanha anormalidade?

Parabéns, Tiza!

Parabéns, Tiza!

Hoje é dia especial para esta escorpiona dos sete costados, amiga de longa data e frequentadora deste blogue, ninho de escorpiões.
Muitos parabéns pelos teus cinquenta, bem sabes que ninguém tos dá, Linda! E que venham outros tantos!
Muuuuuuuuuuuuuuah! Agora por aqui... depois receberás uma beijoca repenicada nas tuas bochechas rosadas.

Nota - E para quando o regresso à blogosfera?

Quando a Publicidade Consegue Ser Especial

Quando a Publicidade Consegue Ser Especial

Vale a pena ver esta publicidade da Pepsi. O final é imprevisível e deixa-nos de sorriso na cara.

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Pedro Passos Coelho

Pedro Passos Coelho

Este homem é doido?
Já não nos chegavam os que temos de aturar?
Leia aqui o inacreditável. Ele disse o que disse?

Nota escrita em 1 de Novembro de 2010
Afinal não aprova. Abstem-se. É apenas uma alteração de palavra que faz toda a diferença.

Notícias Interessantes

Notícias Interessantes

A primeira porque nojenta, porque situações de violência não podem ser desculpabilizadas seja em que comunidade for, senhor director! Seja ela mista, só de fiambre ou só de queijo. Muito menos podem ser encaradas com toda a normalidade, porque absolutamente impróprias para consumo.

A segunda porque... Aleluia! Aleluia! Aleluia!... a violência em meio escolar vai ser criminalizada para maiores de 16 anos.


Vídeo surripiado aqui.

Lá Como Cá

Lá Como Cá

Política con corazón

Os erros, amighiño, son erros e acábanse por paghar. Non hai nada gratis na vida, non se pode meter a zoca e sair indultado como se nada houbese pasado. A esquerda espanhola, tan inmadura como a dereita da Espanha unagrandeylibre do PP, non soubo criar unha política de inmigración efectiva e agora enchen de gasolina os depósitos da extrema-dereita. Foron por diante cun humanismo naif, coa teoría do bo indíxena, co cal xa mostraron o desprezo cara á cultura do outro actuando cun paternalismo esquizofrénico, meu pobriño que cheghas aquí logo de ter sufrido tanto permite que che cure as feridas, que che rehidrate e alimente, aquí en Europa somos así de comprensivos cos povos atrasados coma o teu, e sobre todo necesitamos quen faga traballos sen qualificação por un trinta por cento menos do custo no mercado. E así viñeron xentes de moi diversas nacións, e viñeron os bos e xenerosos, e viñeron os delincuentes e perniciosos, mas estaban as mentes con dous séculos de retraso e seguiron a Rousseau. E todo valía mentres a riqueza de uns poucos ía medrando, a preguiza de outros engordando, e íase criando unha nova clase de pobres (polo menos agora xa non eramos nós). Pero a pobreza non nos gusta, só que únicamente nos decatamos dunha cousa tan sinxela cando acabamos de abandonar ese estado económico, e agora notamos que o aire no que antes viviamos é unha podremia, e xa non toleramos o ruído e o olor (le bruit et l’odeur, Chirac dixit). As cousas están así, e non hai volta de folla, chegados a un determinado nivel económico, os custos da man de obra elévanse demasiado, solvéntase mecanizando, automatizando os procesos, ou, o que é máis barato, traendo man de obra máis económica de terceiros (ou cuartos países) só que se vives aquí pero cobras ostensiblemente por baixo da media é imposible ter condicións dignas de vida, isto implica a criación dunhas poboacións pobres que nin sequera son nacionais co cal ao noso ódio pola pobreza podemos engadirlle o ódio polo estranxeiroE xa temos os ingredientes para que a extrema dereita entre en acción, coa sua política do corazón e outras vísceras menos nobres. Pero vamos ser abertos, vamos escoitar a todos, en democracia é obrigado, nonsi?, e estes neo-fascistas teñen moito que dicir, buf, vamos deixalos falar, vamos ceder, hala que propoñan recortar dereitos aos inmigrantes, reducir expresións públicas das suas culturas, expulsións fulminantes para os delincuentes... que sei eu! Nin todo o que din é disparatado, por exemplo, unha cultura que permite o maltrato da muller é evidente que non se pode permitir en Occidente. Tudo bom, mas unha vez que comecen (e xa o fixeron) pensas que van parar nos inmigrantes? Ti pensas que un día, cando poñan a gorra de pensar, porque a paixón das primeiras soflamas vaia enfriando, non se decatarán de que, por exemplo, o Ministerio de Defensa do Reino de Espanha está dirixido por unha muller (bastante guapa, que dirán eles) e que para máis afrenta ao Sacro Imperio nin sequera ten un nome católico (aliás, espanhol). Deixalles a corda solta e volveremos ao tempo no que eramos felices (con Franco non había inmigrantes!) eramos un noventa por cento de pobres, traballabamos en Alemania, Francia, Suíza...
Se odias os inmigrantes voltarás ser coma eles!
Se as inspeccións de traballo permiten salarios inferiores aos legais, pechando os ollos para criar riqueza moi concentrada, que os beneficiados por ese enriquecemento paguen toda a conflictividade social derivada.
Se chegaches lendo ata aquí, mereces un descanso, así que xa paro que me vai dar un vértigo ou algo polo estilo, nunca tanto esforzo xunto fixera!

Nota - Agradeço ao Rui a partilha deste maravilhoso texto/análise escrito em Galego, que assenta como uma luva a Portugal. Ou não assentará?

Finalmente Excelentes Notícias


Recorte surripiado aqui.

Finalmente Excelentes Notícias

Eu ia perguntar quem são os 12% de burros portugueses que qualificam o desempenho deste governo como Bom... mas pensei... pensei... pensei muito... e eis que se me fez luz nos neurónios. Pois, há 12% de bois, perdão, de boys, e já agora de girls, que lamberão o chão que o grande líder pisa. Apenas porque têm tudo a perder.

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Entrega de Objectivos Individuais

Entrega de Objectivos Individuais

Foi uma das poucas conquistas, uma das poucas reivindicações atendidas resultante duma luta que parecia coesa e decidida, e em que a entrega de objectivos individuais passou, por lei, a facultativa.
Assim sendo, ninguém pode ser penalizado por não os entregar, ninguém pode ser beneficiado se os entregar.
Vai daí qual a dúvida?
Eu não entrego.

Amizade China Portugal

Amizade China Portugal

Quem se porta mal deixa de brincar e leva ta-tau!

Ora veja aqui.

Travessuras e Diabruras

Travessuras e Diabruras

Tentativa de silenciamento e coisa e tal... para que haja somente contestação q.b.?
Leia aqui.

Síntese/Conclusão dos Acontecimentos de Ontem


Cadáver em Decomposição - Sahara - Mauritânia
Fotografia de Anabela Matias de Magalhães

Síntese/Conclusão dos Acontecimentos de Ontem

Sócrates é um cadáver político em decomposição. Para mim já era. E finalmente já era!
Ficará na História deste país. Na triste.

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Política Nojenta

Política Nojenta

O ministro Jorge Lacão ainda debita demagogia à hora a que escrevo. Entre muitas pérolas afirmou que estamos no bom caminho.
Eu apenas afirmo que se nota.
Ah! E continuo a achar-lhes graça quando falam da péssima situação a que chegamos sem que assumam qualquer responsabilidade pela coisa.

Hoje É Dia De Tanga, Perdão, De Tango!



Hoje É Dia de Tanga, Perdão, de Tango!



Olhe, ponha a música no máximo e dance pela casa! Dance um tango para esquecer que eles nos estão a dar tanga e que no final nos deixarão de tanga!

Avaliação Miserável! País Miserável!


Documento originalmente publicado no blogue do Octávio Gonçalves, a quem agradeço a partilha.

Avaliação Miserável! País Miserável!

Avaliação miserável é a nossa em que se permite que um professor de Educação Física vá avaliar as aulas de um professor de Química, em que se permite que um professor de Educação Tecnológica vá avaliar as aulas de um professor de Alemão, em que se permite que um professor do Pré-Escolar vá avaliar as aulas de Matemática e por aí adiante que a bandalheira portuguesa não tem fim.
E miserável é o país que permite esta miserável avaliação de desempenho docente.

terça-feira, 26 de outubro de 2010

Para Não Dizerem Que Eu Não Avisei

Para Não Dizerem Que Eu Não Avisei

Aqui e na Escolinha.

Diálogo Sobre o Orçamento



Diálogo Sobre o Orçamento

Continua. O diálogo sobre o orçamento continua.

Nota - Com os meus agradecimentos ao Miguel Loureiro.

História em Movimento - A República na Cartofilia

História em Movimento - A República na Cartofilia




Este post assinala uma competência por mim adquirida agorinha mesmo, aquando da realização deste slide show. Confesso que este é mesmo o meu slide show de estreia, já que foi o primeiro por mim realizado. Confesso também que foi trabalho isolado já que agora só peço ajuda quando não sei mesmo e antes de o fazer tento desenrascar-me sozinha que nisto de TIC aprende-se fazendo, já sei, e, quantas vezes, desfazendo também.
Desde a selecção das fotografias, tarefa um pouco demorada porque ontem fartei-me de captar imagens e porque tenho de ter o cuidado de não divulgar a carita dos miúdos, até à realização do slide show propriamente dito e sua posterior publicação, passaram cerca de duas horas. Duas horas de trabalho que agora terão de se prolongar em mais não sei quantas para as outras turmas de 9º ano, que ontem visitaram a exposição, guiadas pelo brilhantismo das explicações do nosso guia por um dia, Dr. Pedro Barros Pereira.
Aproveito a oportunidade para agradecer a simpatia, disponibilidade, generosidade e exemplo de cidadania ontem dados a toda a comunidade educativa.
Muito obrigada, Pedro! E espero que aprecies o slide show. Este e os outros que se seguirão.

Para ler outros ecos da exposição clique aqui. E aqui, aqui e aqui.
E ainda aqui.

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Parabéns!


Luz - Cepelos - Amarante - Portugal
Fotografia de Artur Matias de Magalhães

Parabéns!

Hoje passam vinte e sete anos sobre o dia em que literalmente dei à luz uma luz.
Parabéns, J!

Auto-Retrato Com Ana Osório Dentro


Auto-Retrato com Ana Osório Dentro
Fotografia de Anabela Matias de Magalhães

Auto-Retrato com Ana Osório Dentro

Tudo pronto. As visitas guiadas à Exposição começarão pelas 15:05, com a presença do nosso guia especial, Dr. Pedro Barros Pereira.

Os Zecos


História em Movimento - A República na Cartofilia
Fotografia de Anabela Matias de Magalhães

Os Zecos

Os Zecos são uma gente estranha. Pelo menos uma grande parte deles que, levando cacetada atrás de cacetada dos políticos que teimam em reduzi-los a meros funcionários públicos daqueles que estão sempre a olhar para o relógio suspirando pela hora de saída, ao invés, teimam em trabalhar fora de horas, onde calha, quando calha, sempre que é necessário... para que tudo resulte em conformidade com o planeado.
Os Zecos podiam "apenas" cumprir os seus horários que já fariam muitíssimo. Mas não. Os Zecos de que falo são gente com um grande amor à camisola que trazem envergada até à alma, porque camisola composta por múltiplos e variados alunos, porque camisola com gente em crescimento dentro.
A fotografia que ilustra este post é do painel que a partir de amanhã, e durante toda a próxima semana, receberá alunos, professores, funcionários e encarregados de educação lá pela entrada do Pavilhão Central da Escola EB 2/3 de Amarante.
Foi concebido e elaborado pelo Antero de Alda, professor de Educação Visual com o qual partilho algumas turmas de 3º ciclo. Foi o resultado do trabalho elaborado ontem, Domingo, dia de descanso... dizem... se bem que dia de descanso, associado ao Domingo, parece anedota para este tipo de Zecos.
Por isso escrevo este post. De agradecimento sincero ao Antero, pelo trabalho realizado, obrigada também Margarida... saudadinhas... e sim, estes Zecos são uns malandros, não são?
Merecem, pois, o assalto aos seus lares perpetrado pelos nossos desgovernantes, não merecem?

domingo, 24 de outubro de 2010

Domingo de Tanga, Perdão, de Tango!


Imagem surripiada aqui.

Domingo de Tanga, Perdão, de Tango!

A acompanhar este tango viscoso deixo tango de superior qualidade - Gotan Project.
Excelente Domingo para todos os que por aqui passarem... que o tango de qualidade vos inspire...

Adivinha

Adivinha

A adivinha que vos preparei para hoje é muito fácil de deslindar e vocês farão isso em três tempos. Quero apenas saber o nome do mentiroso compulsivo que fez esta afirmação:

O OE "protege o emprego e a economia".

Quem foi? Quem foi?
Vá lá... adivinhem.

Menos 5 Milhões

Menos 5 Milhões

Será que estes gajos vão comprar os blindados para carregarem em cima de nós?
Será que se estão a prevenir contra o povo manso como o raio que o parta?
Entretanto olhe pela janela... não vê 5 milhões a voar?
E observe a desfaçatez e o à vontade exibidos por estes políticos que gastam o dinheiro que não é deles, nem lhes custou a ganhar.
Hellooooo! Dia 6 de Novembro estou na maniiiiiiiiifeeeeeeeeeeee! Na capitaleeeeeeeeeee!

sábado, 23 de outubro de 2010

República


República Portuguesa
Fotografia de Anabela Matias de Magalhães

República

A "Minha República" chegou, enfim! da ex-revolucionária cidade do Porto, da ex-revolucionária Cidade do 31 de Janeiro e aterrou, aqui mesmo, nas minhas mãos, para que com ela faça coisas sérias e algumas tropelias.

Esta República integrará a exposição "A República na Cartofilia", exposição que decorrerá durante toda a próxima semana e que encerrará o mês das comemorações do centenário da sua implantação, por certo com chave de ouro, tal qual foi aberto, aquando da exposição que decorreu no início deste mês, a cargo do Grupo de História.
A exposição, que será inaugurada na próxima segunda-feira, decorre inteiramente a meu cargo, no âmbito do Projecto História em Movimento, com a preocupação maior de enriquecer os dias dos meus rapazes e raparigas de 9º ano, uma vez que iniciámos esta matéria durante esta semana que agora finda. Em cima do acontecimento, quando é útil, nem antes nem depois, apenas quando é oportuno, actua-se, alimentando espíritos que se querem ávidos de saber, mesmo que alguns ainda não tenham descoberto isto.
Entretanto a "Minha República" já conheceu melhores dias e agora não me refiro ao busto, mas à República Portuguesa mesmo.
O busto invertido serve-me como uma luva para ilustrar o meu descontentamento crescente face a um país que se afunda e se rebola no mais extenso lodaçal.
Aqui deixo a república. Literalmente de pernas para o ar. E escrita em tamanho pequenino como forma de protesto pela situação que nos obrigam a viver.

Linha do Tâmega

Linha do Tâmega

Hoje é dia de revivalismo neste blogue.
Hoje apresento parte da Linha do Tâmega, aquela cujo centenário foi comemorado aqui mesmo em Amarante, com toda a pompa e circunstância, pelos políticos locais e demais entidades públicas nacionais e que fechou, imediatamente a seguir e quando digo imediatamente a seguir quero mesmo dizer imediatamente a seguir, com a desculpa de entrar em obras.
Pode ler/ver ecos destas comemorações clicando aqui. E do seu encerramento, e das obras que se seguiriam mas afinal não seguiram pode ler aqui.
Entretanto os carris foram levantados, aonde é que eu já vi isto?, para obras de melhoramento, disseram as entidades, entretanto o tempo foi passando, obras de grilo e eis que chega a boa nova - a dita cuja Linha estava definitivamente encerrada e só não nos avisaram da marosca no dia da festa por respeito aos cidadãos e políticos cá da terra. Adeus obras! Adeus viola! Adeus comboio. Adeus Linha do Tâmega!

Hoje é dia de revivalismo neste blogue e aproveito este exemplo nojento para afirmar, mais uma vez, que não gosto desta política pequenina, desta política que se faz abaixo do nível da sarjeta, como se todos nós fôssemos para aqui uns palonços.

Somos? Seremos?

Nota - Agradeço-lhe o envio do link, Sr. Coronel Artur Freitas.

A Palavra a Ana Drago

A Palavra a Ana Drago

Entretanto o Forrobodó Continua

Entretanto o Forrobodó Continua

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Dias Abaixo de Cão


Dias Abaixo de Cão - Manif de Profs - Lisboa
Fotografia de Anabela Matias de Magalhães

Dias Abaixo de Cão

Os dias abaixo de cão já começaram e acontecem agora na Escola, com dias passados, literalmente, de manhã à noite, à volta com aulas e reuniões e o mais que ainda vai surgindo pelo caminho.
Com aulas pela manhã, almoço engolido em menos de meia hora para de novo fotografar a Oficina de Arqueologia Experimental, seguido de nova corrida para a Escola, onde me esperava mais uma aula, e corre Anabela Maria, corre que tens uma exposição para montar na Biblioteca Maria Eulália Macedo, sendo que a exposição de postais é fabulosa, com parte da colecção do Dr Pedro Barros Pereira, subordinada ao tema "A República na Cartofilia" que abrange o final da Monarquia, implantação e primeiros anos da República e que me servirá de pano de fundo às próximas aulas de 9º ano, aulas diferentes, que por certo ficarão na memória dos meus alunos, tal como outras, de outros professores, me ficaram na minha.
Lamentavelmente a exposição teve de ficar meia preparada, meia por preparar, o "meu" busto da República só chegará amanhã vindo directamente do Porto, amanhã será dia de ainda mandar fazer umas letras xpto que levarei a casa do Antero, menino de Belas Artes, artista maior que pode ser visitado aqui e que me/nos elaborará o painel para a entrada da Escola a anunciar a dita exposição que, por força destas circunstâncias, só será terminada na segunda-feira de manhã.
O meu dia de trabalho terminou com uma reunião intercalar pelas 18:30, que findou já passava das 20 horas, hora a que a Biblioteca da Escola está já mais do que fechada e eu estou mais do que arrasada...
Por isso digo "Bolas!" Não é que recomeçaram os dias abaixo de cão que me deixam literalmente de língua de fora?!
Obrigada, meus deuses! Obrigada por amanhã ser sábado!

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

A Partilha, Gratificante, Continua

A Partilha, Gratificante, Continua

Desta vez foi uma cedência de fotografias obtidas na fabulosa Líbia, das gravuras rupestres do Neolítico existentes no Messat Settafet, para um site inglês, partilha esta que está relatada no blogue História em Movimento. Ora leia aqui como a internet possibilita a partilha imediata, quase instantânea!
Confesso que amo isto. Amo o trabalho que se executa de imediato, sem desculpas de agora não sei, vou ver se faço, agora não posso...
Dito e feito. Pim. Está feito!

Palhaçada

Palhaçada

Mas a intenção era boa... olá se era! A intenção era papar uns sindicalistas de cebolada e ela papou-os. A prova é a cara que Salsada, perdão, Alçada apresenta... de indigestão pura e aplicada! A azia chega-me aqui desde Janeiro.

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Partilha - Trabalho - Grelhados


Manif De profs - Assembleia da República - Lisboa
Fotografia de Anabela Matias de Magalhães

Partilha - Trabalho - Grelhados

Hoje foi dia de sessão de trabalho com uma trabalhadora incansável que a ESA perdeu ao mesmo tempo que me perdeu a mim. Assim mesmo, directa ao assunto que eu não gosto de rodeios e não envio recados por terceiros, triste é o organismo estatal que se dá ao luxo de perder trabalhadores incansáveis... e estou a lembrar-me de uns quantos, tantos, que de lá já sairam...
Mas adiante, que hoje não me apetece chorar mais sobre leite derramado.
Confesso, aqui e agora, que não sei trabalhar com o Excel. Em contrapartida sei exactamente o que quero do maravilhoso Excel. Assim sendo, juntamo-nos as duas, eu e a Osório, e numa longa sessão de trabalho conjunto fizemos um grelhado maravilhoso, que hoje quase nos grelhava as cabeças, mas que será de uma utilidade incrível daqui para a frente, sendo que o para a frente se quer com muito futuro. Hoje partilho com os meus leitores o trabalho de uma cabeça de menina de letras que sabe muito bem o que quer, a minha, e de uma cabeça de menina de TIC que manobra o Excell tu cá, tu lá, a da Osório.
Pois o grelhado contém oito folhas sendo que cinco são de correcções de testes, tantos quantos eu dou durante um ano às minhas turmas de 9º ano e três são de avaliação de final de período, sendo que a última é simultaneamente a final.
Assim, introduzo os nomes dos alunos na primeira folha e o esperto do excel preenche automaticamente todas as folhas seguintes onde os nomes são necessários; introduzo os dados das questões de cada teste e o esperto do excel faz os somatórios todos, transforma-os em Muito Bons e o que mais for preciso e, luxo dos luxos, destaca-me as negativas a vermelho e preenche, transportando automaticamente, a folha da avaliação de final de período onde depois só falta introduzir os dados da avaliação sócio-afectiva e o esperto do excel faz-me as continhas todas tudinhas, 30% para aqui e 70% para acoli, numa sequência imparável até à avaliação final do ano.
De notar que a sofisticação é tal que agregado a cada grelhado há um estudo estatístico que imediatamente me dá os dados todos que eu preciso e que até me dá um gráfico, tipo queijo fatiado em duas fatias, representando as percentagens de negativas e de positivas, ficando eu, só de olhar para ele, com a noção mais exacta do panorama da coisa.
Desde o ano passado que prego as vantagens destes grelhados que operacionalizam os critérios de avaliação em vigor lá na escola, critérios quase impossíveis de operacionalizar sem eles. Até parece que tenho comissão sobre a coisa, coisa que não tenho de todo.
A pergunta de hoje que aqui ficará registada é: Quem quer um grelhado catita que terá de ser ajustado aos critérios de cada disciplina, ajustamentos que qualquer pessoa de TIC saberá fazer em três tempos? Se o quiserem é só dizerem-me e eu envio-vos o dito para o vosso e-mail.
Disponham.

Palhaçada

Palhaçada

Governo prepara-se para extinguir organismos já extintos!
E o meu comentário éeeeeeeeeeeee - Isto é que é ser competente, páaaaaaaaaa!
E depois derretem-nos o dinheiro em publicidade à coisa pestilenta que é a sua desgovernação!
Eu não vos compro, pá!
Por estas e por outras.

Novas da Menina Alçada - Intenções Sérias

Novas da Menina Alçada - Intenções Sérias

As intenções eram sérias, afirma Alçada, mas de boas intenções está o inferno cheio, afirmo eu. O concurso de 2011 não se realizará, assumiu hoje a ministra, porque...olha... porque o Teixeira dos Santos não deixa e daí lava ela as suas mãos porque as intenções eram sérias.
Ora mais esta posição, ancorada nas intenções sérias que têm expressão prática no seu contrário, só afunda ainda mais a depauperada imagem destes políticos da treta que, afundando-se, afundam todo um país com eles.
Vão todos para o diabo que os carregue!
Pode ler a notícia completa aqui.

O Despesismo Continua

O Despesismo Continua

E vamos a mais uma volta, mais uma corrida! Vira o disco e toca o mesmo e preparem-se porque dentro em breve estão a sacar-nos mais.

terça-feira, 19 de outubro de 2010

O Pelintrão -Nova Particula Atómica

O Pelintrão - Nova Particula Atómica

Depois do átomo e da descoberta do neutrão, do protão, do fotão, do electrão, do quark, do fermião, do gluão, José Sócrates Pinto de Sousa acaba de descobrir o Pelintrão, um corpo sem massa nem energia, que suporta toda a carga.

Nota - Com os meus agradecimentos à Elsa C! Thanks, Linda!

Estamos Dispostos a Mudar?

Estamos Dispostos a Mudar?

Vergonha

Vergonha

Veja atentamente o que se está a passar com o nosso dinheirinho, sacado a torto e a direito.
Vai deixar? Vai permanecer assim, sentado, calado, mole perante este saque imoral cometido pelo nosso desgoverno?
Sim, bem sei, o saque é geral e não nos afecta só a nós, mas a desgraça dos outros nunca me serviu de conforto e a reacção dos franceses serve-me de inspiração.
O vídeo foi surripiado ao Donatien.

Pré-Aviso de Greve



Pré-Aviso de Greve

Foi entregue hoje, assinado pelos representantes da UGT e da CGTP-IN, o pré-aviso de greve.
Já deixei escrita a minha posição de luta, em vários lugares da blogosfera e agora deixo-a, clara e transparente, aqui.
Estou disposta a encetar e apoiar todas as formas de luta contra este desgoverno que nos destrói e isso passa pela minha acção neste blogue, onde não me desarmam, nem calam, passa por participar em todas as manifestações convocadas pela direita ou pela esquerda, quero lá eu saber quem convoca a contestação desde que ela seja pacífica, passa por participar na greve no próximo dia 24 de Setembro, passa por apoiar a contestação na justiça e passa por me disponibilizar para cumprir uma greve por tempo indeterminado, nem que para isso tenha de ficar a pão e água.
Olhem para o exemplo da História - As conquistas nunca foram de borla. Custaram vidas, sacrifícios vários, privações de liberdade...
Quem está disponível para dar o seu corpo ao manifesto?
No imediato, quem faz greve no próximo dia 24 de Novembro?

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Até Tu, Brutus!

Até Tu, Brutos!

E eis que Marcelo revê a sua posição! Grande defensor/admirador das políticas deseducativas de Maria de Lurdes Rodrigues e de José Sócrates, eis que, finalmente, deu a mão à palmatória ao observar o facto indesmentível da queda das escolas públicas nos rankings. Ano após ano... talvez até ao afundamento final, quiçá a meta mais ou menos escondida deste pseudo paladino do sistema que afirma defender pela palavra o que trata de liquidar pela prática.

domingo, 17 de outubro de 2010

Levanta-te Portugal!

Levanta-te Portugal!

Já ultrapassámos os dois milhões de pobres! Parabéns José Sócrates!










Parabéns Takargo!

Parabéns Takargo!

Porque há quem, no meio do dilúvio, consiga escapar entre as pingas...

Vida

Vida

Por hoje vou só postar o vídeo e enviar os meus agradecimentos à minha mui querida Adelaide que me enviou esta preciosidade tão bela. Assim que tenha mais tempo disponível, e vontade de escrever um texto bem intimista, voltarei a ele para falar da Lai, e de mim, e da importância da Lai na minha vida.

Prémio Pior Sexo Para Aliviar o Blogue


Menir Fálico Dedicado ao Tony - Alentejo
Fotografia de Anabela Matias de Magalhães

Prémio Pior Sexo Para Aliviar o Blogue

A nomeação para o prémio "Pior Sexo", atribuído pela revista Literay Review, recaiu sobre um autor famoso e mundialmente conhecido que escreveu a pérola da literatura que agora transcrevo neste blogue, depois do mesmo autor ter parido outras pérolas políticas de qualidade semelhante.

"Nessa noite (Cherie) acolheu-me nos seus braços, disse-me o que eu necessitava ouvir, deu-me forças... Nessa noite de 12 de Maio de 1994 eu necessitava com egoísmo desse amor que me dava. Devorei-o para que me desse forças. Era como um animal seguindo o meu instinto"

Tony... Tony Blair

Para ler mais clique aqui.

Frase do Dia

Frase do Dia

Também sou mineira. Tiiiiiiiiiirem-me daqui!

Nota - Recebida por mail e já por mim adaptada.

sábado, 16 de outubro de 2010

Protesto Gráfico Dois em Um


Bandeira de Portugal de Luto - Protesto Gráfico

Protesto Gráfico Dois em Um

Para 24 de Novembro, mas já com a possibilidade de uso no próximo dia 6 de Novembro, porque temos de poupar e isto é o chamado Protesto Gráfico Dois em Um.

Surripiado ao Donatien Alphonse François.

Quem nos segue?

Novas do Orçamento2011

Novas do Orçamento 2011

O orçamento tá giro e até eu, que não sou da área da economia, nem para lá caminho, acho-o a bem dizer... como dizer... quero só dizer... que tá giro... e nem consigo comentar mais nada.
Deixo só estes números retirados daqui.

Educação - Menos 11,2%
Saúde - Menos 12,8%
Parlamento - Menos 1,1%
Ministério das Obras Públicas, Transportes e Comunicações - Mais 11,6%
Aumento da despesa com juros da dívida - Mais 20%

Eu não disse que tava giro? Até talvez catita?
Pois tá!
E por falar em 2011... em 2011 não era aquela ficção científica do Odisseia no Espaço?
Não? Xiiiiiiiiiiiii... parece que já foi em 2001... e se prolongou de lá para cá!

Levanta-te Portugal - O Mundo que Queremos




Pobreza zero - Escola EB2/3 de Amarante - S. Gonçalo - Amarante
Fotografias de Anabela Matias de Magalhães

Levanta-te Portugal - O Mundo que Queremos

Amanhã, dia 17 de Outubro, assinala-se o Dia Internacional para a Erradicação da Pobreza. Neste sentido, decorreram já várias iniciativas, um pouco por todo o lado, com particular ênfase para as escolas portuguesas que fazem questão de não deixar de assinalar esta data, física e simbolicamente, levantando a sua voz e levantando o seu corpo com ela, exigindo aos governos que acabem com a pobreza extrema, pobreza extrema humana, que subsiste no Planeta que nos serve de Home.
De 15 a 17 de Outubro decorre o Levanta-te Portugal - O Mundo que Queremos.
Ontem assinalámos a efeméride na minha Escola, na EB 2/3 de Amarante.
Há quem não entenda estas actividades apontando como crítica maior o não servirem para nada, o não mudarem nada no Mundo sendo que, normalmente, estas críticas vêm de quem nada faz.
Ontem, a minha escola parou. Literalmente parou. Fez-se um minuto de silêncio. Recolheram-se alimentos que por certo chegarão a quem deles precisa. Soltaram-se pombas, símbolo maior da Paz. Os mais jovens foram alertados para este terrível problema e sensibilizados para a vergonha da existência da pobreza extrema no Mundo. Teoria e prática. Blá, blá, blá, mas com consequências práticas. Blá,blá, blá, mas seguido de acção. Gosto disto. Gosto desta Educação que se quer plena e cheia, também de sensibilização para os problemas que nos rodeiam. Só assim a Escola se cumpre plenamente. Uma escola mecanizada e desumanizada, onde apenas se despejam os conteúdos das várias disciplinas para cima de miúdos com a idade dos nossos, é praticamente igual a zero.
Ontem os miúdos ergueram a sua voz e juntos gritaram a plenos pulmões "Pobreza Zero".
Sim, é verdade que não acabará a pobreza no mundo devido à nossa acção de ontem, mas é igualmenteverdade que não deixámos passar a data em branco, não a apagámos com uma esponja, não fizemos de conta que ela não existe, que ela não está lá e que sobre ela os nossos dias escoam indiferentes.
Com isto pretendemos incutir nos miúdos a atenção para com o outro, a solidariedade que devemos praticar, a voz crítica que devemos erguer fazendo-a ouvir sem medo de represálias, o princípio que deve nortear as nossas vidas e que é a interiorização de que a acção colectiva é um somatório de acções individuais e que a acção pode começar por mim. E por ti. E pelo outro. E continuar imparável. E que juntos faremos a diferença. E, como se diz aqui na minha zona, "é de pequenino que se torce o pepino".
Ontem a minha escola ficou muito bem na fotografia. Não foi a primeira vez. Não será a última.
Por último não posso deixar de fazer um agradecimento final a uma Professora de excepção, um ser humano extraordinário em ponderação, correcção, educação, solidariedade, atenção, bondade, trabalho, persistência... e que é a alma deste evento e que se chama Alice Costa.
A Escola EB 2/3 de Amarante tem a sorte de continuar a contar com Ela e tem a sorte de se poder inspirar no Exemplo Dela.
E tenho dito.

Para ler mais sobre este evento clique aqui.

Novas da FENPROF



Novas da FENPROF

Confesso que não me apetece fazer copiar e colar, por isso leia aqui a fúria dos sindicalistas papados com papas e bolos se enganam os tolos. E também pode ler aqui mais do mesmo mas com Sol.
Apesar disto lá estarei, em Lisboa, no próximo dia 6 de Novembro. Porque não perco uma oportunidade de fazer ouvir a minha voz.
Inquérito - Quem vai?
Quem poderei reencontrar por lá?
Aceitam-se inscrições neste blogue. Com a certeza que, no próximo dia 24 de Novembro, há mais.

Porca Miséria!



Porca Miséria!

Novas do País

Novas do País

A famosa pen, com o orçamento da nossa desgraça, foi finalmente entregue na assembleia da república. Tarde e a más horas, mas lá foi entregue antes da sexta se transmutar em sábado. Jaime Gama estava com cara de poucos amigos. O ministro das finanças, Teixeira dos Santos, também. É por ele que sabemos que quase não dormiu nos últimos dois dias. O orçamento deu muito trabalho a fazer e exigiu muitas reuniões, muitas reuniões. O ministro está disponível para receber a oposição. Não disse que estava disponível para alterar o dito.
O ministro falou arfante aos jornalistas... não sei se veio a correr... acho que estava aflito... se estivéssemos noutro país isto já não estava assim e ele estaria ainda mais aflito.

Ops! Parece que o documento não está completo! Ops! Parece que a assembleia foi desrespeitada. Ops! Não é original?

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Palavra de Sócrates.

Palavra de Sócrates

Depois do "aperto de coração" a "dor de alma". De Sócrates.
Palavra de Sócrates.
Daqui.

10 Milhões

10 Milhões

Coisa deveras pouca!
Será que vai resvalar?

A Palavra a Miguel Sousa Tavares

A Palavra a Miguel Sousa Tavares

Que desta vez, para variar, não atacou os professores.

Hoje Relembro Pinho

Hoje Relembro Pinho

Aquele que ficou famoso... sim, também pelos corninhos, por decretar o fim da crise e ainda ter afirmado que quem decreta o fim da crise ou é infantil ou ignorante em termos de economia.
Hoje relembro Pinho, aquele a quem todos nós pagamos não sei quantos milhões para dar aulas nos Estates.

Ranking de Escolas

Ranking de Escolas

Ai Meus Deuses, Ai Meus Deuses!

Ai Meus Deuses, Ai Meus Deuses!

Querem lá ver que esta gente doida acabou ontem com a Área de Projecto do 2º e 3º Ciclos do Ensino Básico?!
Ontem?! ONTEM?! Com o ano lectivo a decorrer e os horários todos feitos?!
Desculpem lá, mas isto já raia o inacreditável.
Ora confirme aqui, na página do Desgoverno da Nação. Leia o Comunicado do Conselho de Ministros de ontem, ponto seis, e diga-me de sua justiça... endoidei? Eu? É do adiantado da hora e já estou a delirar? Tresleio? Sonho?
Ok! Por certo é um pesadelo dado o adiantado da hora...

Será para implementação no próximo ano lectivo?
Poderá ser já este ano, se assim for entendimento das escolas, auscultadas as partes interessadas e dado que as escolas têm "autonomia"?

Blog Action Day - 15 de Outubro - Dia de Campanha pela Água

Blog Action Day - 15 de Outubro - Dia de Campanha pela Água

É uma campanha dirigida a bloggers para que estes espalhem pelo mundo a evidência/mensagem tão simples e linear que é o facto de não haver vida sem água.
Nós, o bicho mais inteligente à face da terra, como não percebemos isto? Como permitimos atropelos gravíssimos como este?
E relembro a tragédia, não resolvida, do meu rio.



Aqui deixo o vídeo. Bloggers, adiram à campanha pela água. E pintem os vossos blogues de água transparente e cristalina... ou nojenta, à falta de melhor.



Blog Action Day 2010: Water from Blog Action Day on Vimeo.

A Palavra a Jorge de Sena



A Palavra a Jorge de Sena

"O problema não é salvar Portugal, é salvarmo-nos de Portugal."

Jorge de Sena

Nota - Post inteiramente surripiado aqui.

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Valsa de Um Homem Carente

Valsa de Um Homem Carente

Peço desculpa aos meus leitores... é que isto hoje está mesmo para a overdose, na impossibilidade de ir arejar para a serra...

O Que É Isto?

O Que É Isto?

Via Umbigo... via 31 da armada.

Oui? Non? Non? Oui?
O que é isto?

E Entretanto a Censura...

E Entretanto a Censura...

Ele são raves, são raves, são raves... de bar aberto.
Ele são verdadeiras orgias feitas também à custa do meu dinheiro e eu já disse que não lhes admito que assim o gastem.
No fim, a censura.
Vergonha de desgoverno que assim actua!

O Vale dos Aflitos e o Desfiladeiro da Tragédia

O Vale dos Aflitos e o Desfiladeiro da Tragédia

Playstation

Playstation

Estes deputados do ps não se enxergam, falam como se a m***a não tivesse sido feita por eles, falam como se não tivessem nada a ver com o assunto da desgovernação e atiram as suas responsabilidades para cima de terceiros, terceiros que há anos não provam as cadeiras do (des)governo. Não admira. Imitam o querido líder.
Estes de-puta-dos parecem/são uns putos. Alguns até parecem/serão outra coisa qualquer.
Estes deputados do ps, este que agora fala, pensa mesmo que está a jogar playstation, não pensa?

"Puxar pelo País"

"Puxar pelo País"

Ouço e torno a ouvir e nem acredito nas palavras proferidas! Então não foram estes gajos que andaram alegremente nos últimos seis anos a espatifar um país com um aqui quem manda sou eu? e um ainda está para nascer um primeiro-ministro que faça melhor com o défice do que eu? e um sinto-me só a puxar pelo país? e outras pérolas que tais?
Ai andaram a mandar? E a espalhar boys por todo o lado do quartel dos bombeiros ao hospital, passando pelas escolas e pelas associações disto e daquilo, pelas fundações, pelos bancos e afins, minando o país de uma forma nunca por mim observada nestes quase cinquenta anos que levo de vida? Ai acabou-se a festa? Acabou? Já sugaram o sangue todo? Então agora apanhem as canas da valente m***a que fizeram.
E pergunto eu... não podemos fazer como na Islândia e levar estes incompetentes, convencidos e rascas, a julgamento?
A desfaçatez com que esta gente fala, já está para além do muito nojento.


E "Quem viabilizar esta merda, morre! "
Subscrevo, Octávio.

Blog Action Day

Blog Action Day

É já amanhã. Informe-se aqui.
Water... water... water...
Com os meus agradecimentos ao Paulo Guinote pela chamada de atenção.

quarta-feira, 13 de outubro de 2010

terça-feira, 12 de outubro de 2010

A Palavra a Garcia Pereira

A Palavra a Garcia Pereira

Algo se prepara aqui. Graças a deus, né?

Vergonha

Vergonha

A função primeira de um professor é leccionar, não é? Ter turmas, trabalhar com os miúdos ou graúdos... é o que nos vem à ideia, de imediato, quando pensamos na actividade desempenhada por um professor... mas, coisa pouca, esquecemo-nos que este país é disfuncional e aberrante e produz coisas/pérolas como esta... que me deixa profundamente envergonhada pelo país que assim legisla, neste caso uma parte do país, mais concretamente a Madeira.
Porra! Bem sei que ele há deputados a passar necessidades e fome mas não me parece que a sua actuação merecesse por si só tal distinção! Já para não falar dos sindicalistas...
Não havia nexexidade...
Trouxe esta novidade daqui, via Umbigo.

Ameaça de Bomba

Ameaça de Bomba

A ameaça de bomba aconteceu ontem à noite, no Prós e Contras. Não me admira que tenha acontecido e espero mais instabilidade desta, e de rua, porque o asco que a população sente perante os políticos portugueses não pára de crescer e é alimentado com posições como a tomada pelo ex-presidente da república portuguesa Jorge Sampaio, quando afirma defender o corte de pensões, mas atenção, atenção, só a partir de agora, porque cortes retroactivos são inconstitucionais... kakakakaka... kakakakaka... sorry... ando mesmo a rebolar a rir aqui pela casa... kakakakaka... só de pensar que me roubaram ao vencimento auferido e que, de um dia para o outro voltei uns valentes anos atrás, talvez à década de 90 tais foram os congelamentos de ordenados e carreiras que já tive de suportar, e suporto, e que isso não lhe parece ser, a ele, inconstitucional e que estes políticos da treta me querem fazer de parva e analfabeta que não sabe somar dois com dois! Prontus! Deu-me para rebolar a rir... kakaka...
Para quando um Político que afirme: "Acumulo três pensões - ou quatro ou cinco...- Face à situação de emergência vivida no país, defendo que não haja nenhum português que possa auferir de mais de uma pensão, à escolha do pensionista."
Sim, para quando?

O pcp e o Nobel da Paz

O pcp e o Nobel da Paz

É por estas e por outras que eu jamais votei ou votarei partido comunista. Porque não lhes admito estas posições bárbaras e aberrantes perante alguém que luta pela instauração de valores maiores como Democracia, Liberdade, Direitos Humanos. E é por estas e por outras que eu votaria Pato Donald nas próximas eleições, caso o Pato se constituísse como partido político.
Porque não suporto mais estes políticos de meia tijela que ocupam a assembleia da república, da esquerda à direita e da direita à esquerda.

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Novas do Bird

Novas do Bird

Esteve em Lisboa. A viver, durante duas semanas, que a cidade inspira-o, e em concerto que ele gosta muito do público português e o público português retribui-lhe, dividindo-se em duas categorias - os que o amam e os que o adoram.
Eu, confesso, pertenço em simultâneo às duas categorias.

E como não pode deixar de ser, dedico este Bird ao Clap.

Take courage!

Poema Habitado

Poema Habitado

Fabuloso. De Antero de Alda, para ver e escutar aqui.
E de seguida pode investigar aqui mais poesia original deste artista, professor na EB 2/3 de Amarante.

Brincomat - O Blogue em Destaque no Ensino Básico

Brincomat - O Blogue em Destaque no Ensino Básico

O blogue Brincomat existe há cerca de dois anos, na escola EB 2/3 de Amarante e é alimentado por um professor de Matemática, de seu nome Joaquim Pinto.
Muito embora não seja da área, confesso-me dona de um espírito curioso que me impele a investigar tudo o que possa ter interesse, educativamente falando. E assim foi com o Brincomat, que volta e meia visito. No sábado linkei este blogue de matemática no meu post diário no História em Movimento e daqui o Brincomat saltou para o blogue Ensino Básico que a blogosfera é feita também por gente que pratica a partilha daquilo que sabe, daquilo que tem.
Agradeço-te, David Azevedo, por ampliares um trabalho meritório que merece ser ampliado.
Agradeço-te também a referência ao Projecto História em Movimento, projecto que está a ser publicado em posts diários neste blogue e que será publicado na sua totalidade logo que tal seja possível.
Agradeço-te, David, em meu nome, em nome do Joaquim e em nome da Escola EB 2/3 de Amarante.
Bem-hajas!

David Azevedo e as Aulas de Matemática de Salman Khan



David Azevedo e as Aulas de Matemática de Salman Khan

O Ramiro Marques deu a notícia em primeira mão aqui. Eu própria já fiz referência a este projecto no blogue História em Movimento a propósito de uma missiva recebida do David, editor do blogue Ensino Básico, que se propôs traduzir todas as aulas de Matemática, publicadas em inglês por Salman Khan, no Youtube. Hoje a notícia chegou ao Jornal I e o Paulo Guinote ampliou-a. Resta-me fazer o mesmo aqui no Anabela Magalhães, divulgando o trabalho abnegado deste professor que arranjou sarna para se coçar de tanto trabalho que tem pela frente.
Parabéns, David, pela excelente iniciativa!
Ora veja aqui e se é de matemática grave este endereço. E se não é... grave também!

Recuso Pagar

Recuso Pagar

Aqui deixo para memória futura que me sinto assaltada por ladrões que me roubam o dinheiro do ordenado, mais o que já desconto de impostos, descontos que considero uma verdadeira barbaridade, dinheiro meu, fruto de tanto trabalho e tão duramente ganho, ladrões que se dão ao luxo e desplante de o gastarem em festas e foguetórios, comportando-se como uns verdadeiros anormais que não têm contas a prestar sobre os seus actos.
Rua com eles! Mas é que é começar numa ponta e acabar na outra.



Nota - Thanks, Em@ pela pérola enviada!
 
Creative Commons License This Creative Commons Works 2.5 Portugal License.