sexta-feira, 28 de Novembro de 2014

Selfie do Mérito ou dos Exauridos

Selfie do Mérito ou dos Exauridos - EB 2/3 de Amarante
Fotografia de Anabela Matias de Magalhães
 
Selfie do Mérito ou dos Exauridos

Esta selfie captou parte do staff, o seu núcleo duro?, responsável pela organização da logística do Prémio de Mérito que será entregue aos alunos, hoje mesmo, a partir das 21 horas.
Garanto-vos que têm sido dias loucos... que deveriam ser de 48 horas!... e que os nossos sorrisos vão diretos para os nossos alunos.
Parabéns, Alunos Nossos, pela vossa excelência!
Pela parte que me toca, foi um prazer ser vossa professora um dia.

quinta-feira, 27 de Novembro de 2014

Provedor de Justiça Arrasa PACC e Puxa as Orelhas a Crato

 

 
Provedor de Justiça Arrasa PACC e Puxa as Orelhas a Crato

"Assinala-se que a posição do Senhor Provedor de Justiça:

- Critica a antecedência de apenas 4 dias com que o MEC anunciou a prova em julho;
- Refere o facto de haver matéria que fere o princípio da segurança jurídica;
- Confirma que no momento da abertura do concurso a norma se mantinha inapta a produzir efeitos jurídicos;
- Confirma ainda que o requisito PACC não era exigível quando o concurso foi aberto por motivo exclusivamente imputável à Administração;
- Entende que a Administração não permitiu conhecer antecipadamente as regras do concurso como impõem os princípios da segurança, da tutela de confiança, da boa-fé e da transparência, induzindo em erro os interessados quanto aos requisitos que seriam efetivamente aplicáveis;
- Considera que a aplicação retroativa da norma é contrária aos valores da segurança jurídica e da proteção da confiança, o que assume maior acuidade por se tratar da fixação de condições de acesso a determinada profissão e ao exercício de funções públicas."

Pode inteirar-se de tudo clicando aqui.

quarta-feira, 26 de Novembro de 2014

A Pseudo-Selfie dos Exauridos

Selfie dos Exauridos - EB 2/3 de Amarante
Fotografia de Anabela Matias de Magalhães
 
A Pseudo-Selfie dos Exauridos

São dois magníficos exemplares de exauridos que povoam a minha escola.

Diva Furacão - Aniversário

Diva Furacão - Aniversário

A Diva Furacão faz hoje 75 anos. Quem diria?!!
Muitos parabéns, Tina Turner!



Nota - Felizmente já a vi e ouvi, em concerto, no belo e infelizmente já demolido, Alvalade. Inesquecível!

Mário Soares - Vergonha

 
 Mário Soares - Vergonha

A  família não tem tento neste homem?
É que é para nós profundamente deprimente escutar este discurso desconexo, para não dizer profundamente lamentável e senil, vindo de um ex-presidente da república portuguesa que já está suficientemente enterrada, não precisando, esta, que a enterrem ainda mais.
Quer-se dizer, já não nos bastava passar pela vergonha vergonhosa de ter um ex-primeiro ministro preso e ainda temos de aturar os fernicoques das inconveniências de um ex-presidente da república portuguesa que já não diz coisa com coisa e não tem consciência da resposabilidade que deveria ter enquanto figura pública?
Decoro, precisa-se. Como de pão para a boca.

"Primeiro ministro exemplar"?!!! O tanas!

terça-feira, 25 de Novembro de 2014

Portugal - The McNamara Surf Trip

Portugal - The McNamara Surf Trip

Enquanto uns nos quilham bem quilhados, outros há que nos promovem de forma exemplar.

Obrigada, estrangeiro! Obrigada, McNamara!


Pico do Fogo - O Acordar de Um Gigante

Fotografia tirada por um qualquer satélite...
 
Pico do Fogo - O Acordar de Um Gigante

O vulcão da Ilha do Fogo voltou a dar provas de vida no passado Domingo e a situação tende a complicar-se com as lavas a avançarem, imparáveis e decididas, reclamando um domínio que é seu. O Gigante acordou, primeiro mais timidamente mas cada vez mais imponderado à medida que o tempo passa. Toda a ilha é um imenso vulcão e a caldeira, habitada por cerca de mil pessoas, tem dimensões verdadeiramente gigantes e impressionantes. Já pisei este solo negro e quente, arrebatadoramente belo para quem gosta destas paisagens lunares, para quem gosta destas negritudes. É o meu caso. Os vulcões são, para mim, um fascínio desde miúda e para ler outros textos publicados neste blogue, sobre esta temática, clique aqui.

Vulcões e deserto, deserto e vulcões... afinal, quem manda neste Planeta Terra?

Nota - Pode ver a notícia clicando aqui e acompanhar a evolução dos acontecimentos aqui onde encontra notícias da TV local. Eu tenho acompanhado e pela Ilha do Fogo, a coisa está preta.

A minha solidariedade para com os seus habitantes.




segunda-feira, 24 de Novembro de 2014

Vergonha

 
Vergonha

Um ex-primeiro ministro deste país está em prisão preventiva, acusado de três crimes gravíssimos.
Tenho a sensação que por mero acaso é do pê esse.

O País Suspenso

 
O País Suspenso

Por estes dias vivemos os dias das especulações aos molhos. Os comentadores, num frenesim televisivo, dizem uma coisa e o seu contrário. Um verdadeiro circo espectacular está já montado neste país desde a detenção do Animal Feroz na passada sexta-feira. O Big Brother ao pé disto é coisa de amadores muito reles.
Eu envergonho-me. Envergonho-me por viver num país que escolhe mal os seus dirigentes. Envergonho-me dos tiques autoritários destes políticos da treta que, guindados a cargos de poder, actuam segundo a máxima "O plesidente da junta sou EU! E isto aqui é a minha quinta!" Envergonho-me por viver num país feito de esquemas, de ligações perigosas, de compadrios, de corrupção, feito de gente que ocupa cargos públicos com uma indignidade que brada aos céus.
Ora isto não é apanágio do pê esse. As suspeições generalizadas, casos atrás de casos, eles são tantos que mais vale nem focar nenhum!, fazem parte do património genético também do pê esse dê e do cê dê esse. Ou seja, dos partidos políticos do chamado arco governativo.
Pois o arco governativo está profundamente doente, gangrenado até ao tutano. Com a sua actuação, o arco governativo gangrena todo um país fazendo-o pagar com língua de palmo por crimes que o vulgar cidadão não cometeu e até desconhece.
Mas o país tem culpa. Os cidadãos têm culpa. Têm a culpa de praticar uma política de alterne nojenta que já só me dá vómitos.
Hoje, face aos acontecimentos dos últimos dias, e ainda com um país suspenso na divulgação das medidas que serão decretadas para um ex-primeiro ministro desta Nação, quero aqui deixar a sugestão aos três partidos do arco governativo para aproveitarem a oportunidade para se regenerarem, que é o mesmo que dizer para se limparem com escova de aço se necessário for.
Aproveitem a oportunidade. Porque é todo um país que está em causa.
Ética, precisa-se. Asseio, precisa-se. Deixem de achincalhar as pessoas. Deixem de governar como terroristas que afirmando uma coisa fazem o seu contrário. Comportem-se com lealdade ao juramento que fazem em voz alta para todos ouvirem. Contentem-se com o que ganham. Que é muito demasiado se comparado com o que ganha a maioria dos portugueses. Não vos adianta de nada ter muiiiiitos milhões com sete palmos de terra sobre os reais focinhos. E para lá ireis como o mais indigente dos indigentes à face da terra.

Ética, precisa-se. Asseio e limpeza também.

O Outono Amarantino, Eu e a Jóia de Luz

Outono Amarantino - S. Gonçalo - Amarante
Fotografias de Anabela Matias de Magalhães
 
O Outono Amarantino, Eu e a Jóia de Luz

Hoje descemos ao rio para apreciar as cores quentes do Outono que transbordam incontroladas do leito do rio e inundam as suas margens num espectáculo digno de ser visto, digno de ser admirado.
O Outono Amarantino enche-me a alma desde sempre, presumo que encherá a alma da minha Jóia de Luz também... vê as guigas... olha os barcos do rio amarantino que se chama Tâmega, retém a luz, observa as folhas das árvores... vês a explosão outonal de cor?
Hoje foi dia da Jóia de Luz absorver a terra que é sua e de adormecer embalado pelas águas luminosas do Tâmega, aquecido por um sol mais do que generoso, no aconchego de um peito doce de avó.
Nota - Por estes dias precisamos mais do que nunca de nos afastar do pântano...

Novas do NAIT - Núcleo Académico e Inovador do Tâmega

 
Novas do NAIT - Núcleo Académico e Inovador do Tâmega

Do NAIT - Núcleo Académico e Inovador do Tâmega -  fazem parte jovens estudantes universitários aqui do burgo - Olá Tânia! Olá Maria! - que se encontram a organizar um Ciclo de Empreendedorismo e Empregabilidade que decorrerá nos próximos dias 29 de Novembro e 6 e 13 de Dezembro, constituído por uma palestra, na casa da Portela, e dois workshops subordinados às pertinentes questões do empreendedorismo e da empregabilidade.
Aqui deixo um apelo à participação dos jovens amarantinos neste evento. Por certo aprenderão coisas
práticas e determinantes para o vosso futuro profissional... é que "como se devem apresentar a uma
empresa, como fazer um currículo, como se devem preparar para uma entrevista..." tem que se lhe diga e ninguém nasce ensinado... digo eu...

Mais informação aqui.

domingo, 23 de Novembro de 2014

Pôr-do-Sol Amarantino

Pôr-do-Sol Amarantino - S. Gonçalo - Amarante
Fotografia de Anabela Matias de Magalhães
 
Pôr-do-Sol Amarantino

Hoje. Muito belo.

Vá lá... ao menos a Mãe-Natureza vem em nosso socorro... e alimenta-nos a alma e afaga-nos a nuca...

Quem Tem Amigos Tem Tudo


Recheio de Caixa do Neolítico - S. Gonçalo - Amarante
Fotografias de Anabela Matias de Magalhães
 
Quem Tem Amigos Tem Tudo

Na sequência da organização da Caixa do Neolítico e da constatação que havia ainda materiais em falta para ela ficar compostinha a meu contento, perguntei a amigas, no fim-de-semana passado, se por acaso não teriam lá por casa peças em cestaria, olaria... e o mais que pudessem ceder-me para rechear esta caixa que, mesmo incompleta, já está na Sala de História e que pode despoletar toda uma aula à sua volta.
Ontem, quando cheguei ao café, tinha-as à minha espera com saquinhos enriquecidos de dádivas generosas para esta professora preocupada com o bem-estar dos seus alunos nas suas aulas.
Muito obrigada, Paula! Muito obrigada, Zélia!

Nota - Este post também se podia chamar "Quem pedincha, sempre alcança".

sábado, 22 de Novembro de 2014

Brevíssima Reflexão Sobre Um País Profundamente Doente

 
Brevíssima Reflexão Sobre  Um País Profundamente Doente

Apetece emigrar. Por estes dias o país afunda-se num lamaçal abjecto sem nos dar tempo para assimilar escândalos escandalosos a que se sucedem outros escândalos ainda mais escandalosos, para logo nos cairem nos regaços mais escândalos ainda mais mais escandalosos. Ou escabrosos, como quiserem.
Isto é possível? O país que não mexeu anos a fio, ou melhor, mexeu a bem mexer sob a linha de água, de lama, eu sei lá, apodrecendo até ao tutano a coberto da escuridão, rebenta agora a torto e a direito na impossibilidade de conter o tsunami que se eleva sobre os escândalos sem fim, feitos de compadrios vários, de ambições desmedidas, de falcatruas engenhosas, de contornos demasiado criativos da lei.... e tudo isto enquanto se assalta, literalmente, uma população inteira que se deixa de tanga, e se drena, com a maior das latas, o dinheiro fruto do trabalho para a banca, a especulação, os golpes sempre aos milhões de que se vai tendo conhecimento de quando em vez.
Todos são considerados inocentes até à sua condenação em tribunal, bem o sei. Mas espero, sinceramente, que a Justiça, por uma vez, funcione bem, que não haja precipitações, que a montanha não tenha parido um rato, que a coisa, sendo grave - nunca antes se viu um ex-primeiro ser detido para interrogatório e logo com acusações tão graves! -  esteja impecavelmente fundamentada e que Sócrates, sendo acusado, seja impecavelmente acusado e que seja posteriormente condenado, isto para o bem da saúde mental de toda uma população, sob pena de olharmos à nossa volta e não vermos tábua  de salvação para um país que chafurda a bom chafurdar numa choldra que enoja e provoca náuseas e que só pode provocar sufoco tal a asfixia em que nos deixa com os seus tentáculos gigantescos e poderosos.
Aguardemos, com a serenidade possível, o desenrolar dos acontecimentos.

Um banqueiro, um diretor da polícia, antigos governantes e um ex-primeiro-ministro: o ano em que a justiça foi mais longe

Nota - Agora mais grave só se um dia destes chegarem ao presidente da república.

Última Hora - José Sócrates Foi Detido

 
Última Hora - José Sócrates Foi Detido

José Sócrates foi hoje detido

Porreiro, pá!

Nota - Com os meus agradecimentos à Inês Queirós pela informação e à Emiliana pelo fino recorte.

sexta-feira, 21 de Novembro de 2014

A Palavra a Carlos Carreiras

A Palavra a Carlos Carreiras

Sim, foi um tiro nos próprios pés.

"Uma vergonha", diz vice do PSD sobre reposição das subvenções vitalícias

Novas da Choldra Parlamentar - O «BOM-SENSO» HARDCORE

Em nome do bom senso, afirma Couto dos Santos do alto da choldra.

PSD e PS recuam nas subvenções vitalícias

O «BOM-SENSO» HARDCORE

«Em nome do bom-senso», para corrigir o mau-senso do dia anterior, resguardando a publicitada falta de vergonha e de solidariedade com o país depenado até ao tutano, tentando evitar danos maiores na descredibilização e desacreditação pública da classe política com assento na Assembleia da República, PSD e PS, irmanados no mesmo propósito cabotino, aplaudem-se com o espectáculo hardcore inteiramente por sua conta.

José Emanuel Queirós

Quem são os ex-políticos com subvenção vitalícia

A Palavra a José Emanuel Queirós

 
A Palavra a José Emanuel Queirós

"O afastamento dos cidadãos das arregimentações político-partidárias (...) tem como consequência inevitável a mediocretização das estruturas organizativas, a diminuição do grau de exigência dos dirigentes e a sua tendencial transformação em seitas ou rebanhos sectários, constituídas por fileiras de indivíduos à espera de vez."

Subscrevo.

Exauridinha

Auto-Retrato na Montra da Confeitaria Tinoca
Fotografia de Anabela Matias de Magalhães
 
Exauridinha

Oui, c`est moi, no fim desta semana de trabalho que ainda há pouco findou.

O que vale é que amanhã tenho dia livre... rsrsrssrsrsrssssss

quinta-feira, 20 de Novembro de 2014

Verdadeiro Escarro

 
 Verdadeiro Escarro

Reposição de subvenções vitalícias dos políticos deve avançar

"Isabel Moreira argumentou que esta é uma questão de justiça na reposição dos rendimentos que está prevista para o próximo ano. A deputada sublinhou que também os funcionários públicos e pensionistas vão recuperar alguns rendimentos, lembrou que o PS também propõe a eliminação dos cortes aplicados aos pensionistas e frisou que os políticos não devem ser tratados de forma desigual."

Uma pérola! E mais nem digo. Apenas friso que pê esse e pê esse dê estão juntos juntinhos... sins?
E que quem consegue trabalho e a seguir o perde também devia ter acesso a uma subvenção vitalícia. Porque quem trabalha também está a trabalhar para o bem comum, para o desenvolvimento da Nação.
Sins?

Dancemos, então. Obrigada, pulhíticos! Por estarem tão atentos às possíveis discriminações negativas sobre as vossas reais figuras tristes... cof... cof... cof...


Debate Parlamentar de Grande Nível

Debate Parlamentar de Grande Nível

Sem comentários. Só vómitos.
O assunto era coisa ligeira - Impostos sobre os burros de carga que somos nós.


PACC - 2ª Edição

 PACC - 2ª Edição

E insiste, insiste, insiste... insiste na indignidade mais abjecta que me foi dado observar nos últimos anos... vinda do MEC.
Pode consultar aqui as condições para a realização da PACC.
O aviltamento de toda uma classe não tem fim.

quarta-feira, 19 de Novembro de 2014

Take Care

Take Care


Ensaios do Grupo Coral Sem Nome

 
Onda Pina - Biblioteca Municipal Albano Sardoeira
Fotografia de José Cadeco

Ensaios do Grupo Coral Sem Nome

Com tempo, chegaremos lá... sim, Manel... os apontamentos... eheheh... sim, Paulo... tatau... nós sabemos... eheheh...

O que é relevante aqui? A alegria de quem canta e seus males espanta. Este ensaio foi imediatamente anterior à nossa actuação que, diga-se de passagem, saiu que nem um brinquinho... atendendo a que o grupo é recente, muitos de nós jamais cantamos, nem na banheira!, mas estamos imbuídos de vontade de continuar a melhorar incessantemente.

Mas atenção, a luta continua, nada de confusões.



Nota - A fotografia e os vídeos dos ensaios foram retirados aqui.

Disney Parody

Disney Parody



Nota - Com os meus agradecimentos ao João Martins.
Se tiverem dificuldade com o inglês, cliquem nas legendas.

E Vai Mais Um

 
E Vai Mais Um

Diretor do SEF demitiu-se

terça-feira, 18 de Novembro de 2014

A Amizade/Cumplicidade Fotografada

Eu e a Elsa C. - Biblioteca Municipal Albano Sardoeira
Fotografia de Cristina Manipulada Por Mim
 
A Amizade/Cumplicidade Fotografada

Em jeito de obra neo-pop-gótica.
Palavras para quê?

Ensaio Geral

Ensaio na Biblioteca Municipal Albano Sardoeira - Amarante
Fotografias de Elsa Cerqueira
 
Ensaio Geral do Grupo Coral Sem Nome do Agrupamento de Escolas de Amarante

Aconteceu mesmo antes de subirmos, por assim dizer, ao palco.
Ensaiámos as entradas e as saídas e... Ops! Não me digam que nos enganamos de novo! Manel, como é que foi? Devíamos ter entrado e saímos?! Devíamos ter saído e entramos?!
E sim, que cada um consulte os seus apontamentos, foi um conselho precioso que recebemos à última hora...

Grupo Coral Sem Nome do Agrupamento de Amarante/Manuel António Pina

Grupo Coral Sem Nome do Agrupamento de Amarante
Fotografias de Elsa Cerqueira

Grupo Coral Sem Nome do Agrupamento de Amarante/Manuel António Pina

A propósito da evocação de Manuel António Pina, que comemoraria hoje 71 anos, realizada na Biblioteca Municipal Albano Sardoeira, situada aqui em Amarante, o Coro Sem Nome do Agrupamento de Escolas de Amarante abriu a temporada 2014/2015 com uma actuação, que, sem ter sido estratosfericamente maravilhosa, não meteu nojo a ninguém.
Continuámos a actuar sem rede, felizes por estarmos a conseguir agregar neste projecto Professores, Alunos e Funcionários do Agrupamento de Escolas de Amarante e o grupo, que começou com meia dúzia de caloiros, tem agora uma formação digna de ser vista e que está em consolidação acelerada.
Permitam-me a confidência... mas alguns dos presentes tiveram hoje o seu terceiro ensaio...

Continuemos pois! Também na sua companhia, Manuel António Pina!

Caixinha do Neolítico

Caixa do Neolítico - Centro de Recursos da EB 2/3 de Amarante
Fotografia de Anabela Matias de Magalhães
 
Caixinha do Neolítico

A Caixa do Neolítico que agora partilho, e que está ainda longe de estar acabada, surge na sequência da organização da Caixa do Paleolítico no ano lectivo anterior e que já fez as delícias dos meus alunos deste ano... sim, esta professora conhece o método de fabrico do fogo por choque e é capaz de o reproduzir em contexto de sala de aula e sim, leva umas voluntárias ao "cabeleireiro paleolítico" cortando-lhes umas madeixinhas de cabelos em três tempos somente armada de um biface de sílex para que os alunos vejam, com os seus próprios olhos, que sim, o sílex é eficaz de caramba! E mostra-lhes a lamparina alimentada a tutano e as cordas feitas de tripas ou de tendões de animais, ou de pele, ou mesmo de raízes, e sim, de raízes de silva são excelentes!
Entretanto, nada como ter neurónios irrequietos, achei que estava mais do que na hora de organizar a Caixa do Neolítico e ontem meti pés a caminho depois de ter feito uns peditórios aos alunos nas salas de aula. Por peditório entenda-se materiais para recheio da dita cuja que se apresenta, neste momento, como podem ver na imagem. A vida muda radicalmente com a passagem do Paleolítico para o Neolítico, e o homem passa, pela primeira vez, a produtor e começa a fabricar o seu próprio aliment com o surgimento da agricultura, o cultivo dos cereais, a domesticação dos animais. O homem sedentariza-se, inventa a olaria, a cestaria, a tecelagem, a pedra polida, a roda... e... e... e não mais parou de tentar adaptar o planeta em que vivemos às suas necessidades,necessidades estas que se vão tornando cada vez mais exigentes e complexas a cada geração que habita esta nossa casa comum.
Esta caixa já tem linho, estopa, algodão, exemplares de cestaria, alguns dos animais sucessivamente domesticados, pedra polida (por acaso uma pedra redondinha e bem polida que dará uma boa movente para um futuro moinho a que ainda me falta a dormente e que está fechada na caixinha preta pequena), a caixa grande tem ainda um ramo de trigo e caules diversos que serviam para múltiplos fins e que ficarão, num futuro mais próximo do que longínquo, na primeira divisão à esquerda já que constituem, entre outras finalidades, matéria prima que alimentava o fabrico de cestaria diversa.
Indispensável será acrescentar o centeio, a cevada, uma ou outra peça de cerâmica, um cão, provavelmente o primeiro animal a ser domesticado e, por isso mesmo, imprescindível ao recheio desta caixa, um molho de palha pequenino, uma miniatura de habitação que até poderemos fabricar numa próxima sessão do Clube História em Movimento.
Quando houver mais novidades deste trabalho, avisarei.

Erro Crat(ss)o

 Erro Crat(ss)o

Crato insiste em não aprender com os erros anteriormente cometidos. Parece que está numa fuga para a frente, num perdido por cem, perdido por mil.

Crato avança com nova prova de professores

segunda-feira, 17 de Novembro de 2014

Ensaio do Grupo Coral Sem Nome do Agrupamento de Escolas de Amarante

Ensaio Geral - EB 2/3 de Amarante
Fotografias de Anabela Matias de Magalhães
 
Ensaio do Grupo Coral Sem Nome do Agrupamento de Escolas de Amarante

Hoje foi dia de ensaio geral para os membros do Grupo Coral - que continua - Sem Nome do Agrupamento de Escolas de Amarante. Para alguns foi o segundo ensaio, para outros o terceiro deste ano lectivo. Como podem ver, crescemos, muito!, em número. Somos agora mais professores, mais alunos e mais funcionários a prescindir deste tempo para nos encontrarmos na tentativa de construirmos algo de positivo juntos. Também porque quem canta, seus males espanta... e há tantos males a espantar... xôoooooooooooooo...
Entretanto, amanhã actuaremos, completamente sem rede, na Biblioteca Municipal de Amarante Albano Sardoeira.
Darei novas!

A Palavra a Sobrinho Simões

 
A Palavra a Sobrinho Simões

“Este Governo fez uma espécie de destruição criativa: rebentou com tudo”

Vai-te Embora ó Crato!

 
Vai-te Embora ó Crato!

Até tu, Marcelo!

Novas do Reino da Loucura (MEC, claro!)

 
Novas do Reino da Loucura (MEC, claro!)

Professores vão ter 12 turmas para completar horário

Eu tenho sete turmas e digo-vos que já não é pêra doce! Doze é mesmo a loucura total...e sim, eu sei que já há professores a terem esse número escabroso de turmas e até mais... mas, catano!, a desgraça dos outros nunca me serviu de amparo!

Trabalho - Dias Abaixo de Cão

Auto-Retrato Algures em França
Fotografia de Anabela Matias de Magalhães
 
Trabalho - Dias Abaixo de Cão

Parece impossível... mas acabei agora mesmo um fim-de-semana intenso de trabalho para a Escola que se salda em cansaço muito e dores de cabeça e de pernas que nem posso... depois de hora e horas seguidas a martelar trabalho, à conta das metas curriculares paridas pela tutela, aqui sentada em frente ao pc.
Um dia destes vou pôr cobro a estes comportamentos verdadeiramente estúpidos... e sim, ainda estou na fase da parvoíce mas garanto que ganharei juízo e vai ser mais cedo que tarde.
Entretanto, amanhã há aulas às 8:25... e eu aqui estou com uma vontade danada de me evadir da choldra, para aquelas ondulações que me alimentam os neurónios e os recarregam como nenhuma outra paisagem é capaz de o fazer.
Saudades. Muitas.

domingo, 16 de Novembro de 2014

Ruta del Cares

Ruta del Cares

Impressionante. Nos tramados Picos da Europa, tão belos quanto perigosos.

Nota - Amarante e os amarantinos acompanham com especial atenção as tentativas que se vão fazendo diariamente para encontrar um conterrâneo chamado João Marinho.
Que as várias equipas no terreno tenham êxito!



Nota - Com os meus agradecimentos ao João Duro.

sábado, 15 de Novembro de 2014

A Palavra a José Emanuel Queirós

 
A Palavra a José Emanuel Queirós

«LADO B DA POLÍTICA»
Amarante Tv - (10/2014)

Há um problema que Amarante vai ter e que nós vamos padecer, que vai marcar, vai ceifar, vai limitar e coarctar qualquer possibilidade de um bom futuro para Amarante. Esse espectro reside naquilo que vão fazer no Tâmega. É o interesse imediato em ir buscar umas migalhas que possam daí advir e que é a morte do Tâmega como rio. E morrendo o Tâmega como rio começa a cidade de Amarante a morrer também.

in Flor do Tâmega, N.º 14 (pág. 8), 30 de Outubro de 2014

Palavra que eu subscrevo.

Nota - Post roubado aqui.

sexta-feira, 14 de Novembro de 2014

Rota do Românico

Rota do Românico

Este vídeo abre, nem de propósito!, com a Serra da Aboboreira e um dos inúmeros monumentos megalíticos aí construídos, o dólmen de Chã de Parada.
Bom proveito! Se ainda não percorreram a Rota do Românico, acreditem,  não sabem o que perdem!


Clube História em Movimento

Anta ou Dólmen, Menir e Alinhamento - S. Gonçalo - Amarante
Fotografias de Anabela Matias de Magalhães
 
Clube História em Movimento

Vinculei na EB 2/3 de Amarante no ano lectivo de 2009/2010 e disse ao que ia, não o escondi de ninguém, apenas que ia atacar o trabalho com unhas e dentes. Se bem o disse, melhor o fiz e entre muitas outras actividades por mim promovidas nesta Escola fundei, logo no ano lectivo seguinte, o Clube História em Movimento que sempre teve sócios e que desde esse ano se mantém em funcionamento.
Apesar das dificuldades de funcionamento sentidas neste ano lectivo, nomeadamente em termos de conciliação de horários entre nós - professora e alunos que o querem frequentar - lá conseguimos ajustar a coisa sendo que eu tive de esfrangalhar uma tarde livre de trabalho lectivo para o pôr em funcionamento e os alunos tiveram de prescindir sair pelas 16:35 para saírem somente pelas 18:20.
Mesmo assim, tenho pena!, há alunos que o frequentaram durante o ano passado e que este ano, tendo tarde livre, apanham o transporte escolar à hora de almoço e estão completamente impossibilitados de se manterem associados a este Clube que é tão do agrado de quem o frequenta.
Já realizámos muito e diverso trabalho para enriquecimento do Centro de Recursos da Sala de História, que foi sendo publicado, no seu devido tempo, no blogue História em Movimento que podem espreitar clicando aqui ou na página do Projecto homónimo que também pode ser visitada aqui... muito embora se encontre desactualizada que o meu tempo não é elástico e eu não chego para tanta encomenda.
Este ano continuamos a realizar trabalho que acrescentaremos ao anterior já que, como dizia o outro, grão a grão, enche a galinha o papo! e nós estamos a vencer mais esta batalha travada contra uma inércia aflitiva para quem é apreciador do lema adoptado pelo Infante D. Henrique e que era "Talent de bien faire". E foi imbuídos deste espírito que resolvemos construir modelos e maquetas de tudo o que tiver interesse para as Aulas de História, para que os alunos possam visualizar de imediato o objecto, o monumento, enfim, o que for abordado em contexto de sala de aula, contribuindo, assim, para a receptividade, o conforto e a alegria dos alunos perante esta disciplina que, não raramente, eles consideram uma seca.
O trabalho agora publicado - Menir, Alinhamento e Anta de Corredor - foi realizado durante a sessão desta semana e ainda não está seco. Integra-se no fenómeno do megalitismo visível por todo o território nacional - por aqui temos a sorte de o ter em número excepcionalmente expressivo na Serra da Aboboreira - e foi o primeiro realizado neste preparado de barro que não exige cozedura em forno e que seca ao ar. Serviu-nos para meter a mão na massa e para com ela contactarmos pela primeira vez. Na próxima sessão realizaremos o cromeleque...  que não o dos Almendres!... que é para esgotarmos as várias tipologias de monumentos megalíticos e para, posteriormente, atacarmos uma maqueta mais complexa, de um povoado neolítico.
Obrigada alunos meus, pela colaboração generosa, entusiasmada e entusiasmante!
 
Creative Commons License This Creative Commons Works 2.5 Portugal License.